Economia

vendas de veículos novos aumentam quase 20% no primeiro bimestre

O desempenho “vem refletindo a melhora no crédito”, destacou a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores

SÃO PAULO (Reuters) 

Os emplacamentos de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus nos dois primeiros meses do ano subiram quase 20% na comparação com igual período em 2023, informou nesta segunda-feira a associação de concessionários, Fenabrave.

Segundo a entidade, o número de emplacamentos acumulado entre os meses de janeiro e fevereiro somou 326,8 mil unidades, aumento de 19,8% em relação ao mesmo período do ano passado.

Somente no segmento de automóveis e comerciais leves, o crescimento nessa base de comparação foi de 22,8%, a 307,3 mil unidades. Em fevereiro o número cresceu 2,1% contra janeiro, para 155,3 mil unidades, e subiu 29,7% ano a ano.

O desempenho “vem refletindo a melhora no crédito”, de acordo com a Fenabrave. “Já é possível encontrar taxas mais atrativas para os consumidores e um cenário com maior oferta de crédito. Em fevereiro, houve alta de 18,2% nas vendas diárias dos segmentos”, afirmou o presidente da Fenabrave, José Maurício Andreta Jr, em comunicado à imprensa.

 segmento de caminhões tem reagido, disse Andreta Jr., com os licenciamentos subindo 4,6% em fevereiro sobre o mesmo mês em 2023 e avançando 2,6% sobre janeiro, com evolução do crédito e expectativas de melhora na economia em 2024. No ano, o segmento ainda acumula baixa de 10,3%.

Incluindo motocicletas e implementos rodoviários, o crescimento nos emplacamentos no bimestre foi de quase 25% ano a ano, a 641,8 mil unidades. Na comparação de fevereiro versus janeiro, houve leve recuo de 0,98% em todo o setor, mas salto de 30% contra fevereiro de 2023.

Andreta Jr. afirmou que, como houve mudança de tecnologia dos caminhões no ano passado, o segmento de implementos descolou um pouco do de caminhões no primeiro semestre de 2023. “Em 2024, devemos ter um movimento de recomposição das vendas deste segmento.”

(Reportagem de Patricia Vilas Boas)

Portal Regiao Oeste

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário