• Hoje é: terça-feira, janeiro 28, 2020

Senadores pedem para paralisar processo de impeachment

Brasília - Presidenta Dilma Rousseff participa da cerimônia de anúncio da prorrogação da permanência dos médicos brasileiros formados no exterior e estrangeiros no Programa Mais Médicos (José Cruz/Agência Brasil)
portalregiaooeste
julho15/ 2016

Após a decisão do Ministério Público, que pediu arquivamento do processo das pedaladas fiscais contra Dilma Rousseff, senadores da base aliada entrarão com requerimentos para paralisar a Comissão do Impeachment no Senado. Na última quinta-feira (14), a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) ingressou com um requerimento para que o Senado escute o Procurador.

“E agora? O que fará o Tribunal de Contas da União? E o Senado Federal?”, questionou Gleisi, lembrando ser esta a acusação que embasou o afastamento temporário da presidente. Segundo ela, a única solução possível é o arquivamento do pedido de impeachment, uma vez que não houve pedalada fiscal de Dilma.

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) afirmou que outros senadores devem seguir o movimento e entrar com pedidos para interromper os trabalhos da comissão no processo contra Dilma. “Esse processo está desmoralizado de uma vez por todas. Como é que o Senado vai continuar levando esse processo de impeachment a frente?”. Ele lembra que nos dias 19 e 20, juristas de todo mundo e personalidades farão um tribunal moral internacional para julgar esse processo.

Via Brasil 247

big banner