• Hoje é: segunda-feira, maio 25, 2020

PT de Osasco recua e agora aguarda Lula para anunciar seu candidato

São Paulo - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante ato na Avenida Paulista contra o impeachment e a favor da democracia (Juca Varella/Agência Brasil)
portalregiaooeste
maio24/ 2016

Na última segunda-feira (23), o PT de Osasco anunciaria, em entrevista coletiva à imprensa, às 11 horas, seu pré-candidato à prefeitura. O convite para o evento chegou às pressas nas redações, na tarde da sexta-feira (20). E, poucas horas depois, foi seguido por um aviso de cancelamento.

Entre um e-mail e outro, várias especulações. E uma versão oficial: a legenda aguarda um posicionamento do ex-presidente Lula, principal líder do partido, para definir qual será o nome do PT na disputa, e o convite para o evento teria sido feito, de forma precipitada, por um vereador.

Além disso, nesse intervalo, a disputa, que até então tinha como principais nomes o do ex-prefeito de Osasco, Emídio de Souza, e do deputado federal Valmir Prascidelli, ganhou uma terceira via: o coordenador de Relações Internacionais da Prefeitura de Osasco, Luciano Lub. Sua candidatura passou a ser especulada depois da publicação de um texto, nas redes sociais, no qual defendia um novo posicionamento do partido diante da crise que o atinge.

Por outro lado, causou bastante estranheza, já que Lub compõe, atualmente, o primeiro escalão do governo do prefeito Jorge Lapas, que trocou, há dois meses, o PT pelo PDT, deixando a legenda sem candidato. Para completar, a intenção de Lub ainda abriu caminho para que outros filiados reivindicassem o mesmo direito.

Em meio aos bastidores políticos, corre a informação de que Lula não gostou nada de ver a confusão que toma conta do PT de Osasco às vésperas das eleições, já que a cidade, que era governada há quase 12 anos pela legenda, é considerada estratégica nessa disputa. Emídio seria o preferido de Lula.

big banner