• Hoje é: sábado, maio 8, 2021

Museu da Imagem e do Som realiza mostra de cinema espanhol

Cinema espanhol MIS
portalregiaooeste
julho28/ 2016

Para mostrar a diversidade cultural e linguística da Espanha, o Museu da Imagem e do Som (MIS) realiza a II Mostra de cinema nas línguas cooficiais da Espanha, que exibe filmes em versões em catalão, basco e galego (e legendas em português, é claro). As sessões acontecem no Auditório MIS entre os dias 28 e 31 de julho, com ingressos a R$ 4 e R$ 2 (meia-entrada). O evento, realizado pela Embaixada da Espanha e pelo Instituto Cervantes, exalta as diferentes comunidades autônomas espanholas. São exibidos dois filmes de cada língua cooficial: os galegos “O Apóstolo” e “Conflito das Águas”; os bascos “Vaca” e “Donkey Xote”; e os catalões “Estella Cadente” e “A Mosqueteira”. Confira abaixo a programação completa e sinopses:

•28 de julho
18h30 – O Apóstolo/O Apóstolo (em galego)

(Dir. Fernando Cortizo, 2012, Fantástico, 72 min, livre, colorido, DVD)
Após fugir da cadeia, Ramón começa uma nova aventura no intuito de resgatar um tesouro que foi escondido numa pequena e misteriosa aldeia da Galícia. As personagens que encontrará por lá, protagonizam uma história de terror, humor e fantasia. Trata-se do primeiro longa-metragem espanhol produzido em stop-motion. Premiações: Cinema Horizontes Marselha –Melhor filme; Festival de Annecy: Prêmio do Público; Animpact- Korea-Japón-China: Melhor Filme; Festival de Monterrey- México: Melhor Filme; Expotoons-Buenos Aires: Melhor filme e Mostra de Lisboa: Prêmio do público e Melhor Trilha Sonora.

20h30 – Conflito das Águas/También la lluvia (em galego)
(Dir. Icíar Bollaín, 2010, Drama Social, 104 mins, livre, colorido, DVD)
Um descrente produtor de cinema, e um jovem e idealista realizador viajam até a Bolívia para trabalharem em conjunto num ambicioso projeto cinematográfico sobre a chegada de Cristóvão Colombo à América, mas nenhum deles pode imaginar o desafio que lhes espera quando rompe no país uma guerra entre o governo e as populações indígenas pelo controle e distribuição da água. Festival de Berlin (Seção Panorama): Prêmio do público; 3 Prêmios Goya: Ator de reparto (Elejalde), Música original, Dir. de Produção; Prêmios Ariel: Melhor filme iberoamericano (ex aequo); Festival de Berlin (Seção Panorama): Prêmio do público; Três Prêmios Goya: Ator de reparto (Elejalde), Música original, Dir. de Produção; e Prêmios Ariel: Melhor filme iberoamericano (ex aequo)

•29 de julho
18h30 – A mosqueteira/La Mosquitera (em basco)

(Dir. Agustí Vila, 2010, Drama, 95 min., 12 anos, colorido, Blu Ray)
Os integrantes de uma família de classe média, urbana, vivem presos no mundo construído por eles. O filme mostra a luta de cada para salvar aquilo que justifica a sua própria existência. Luís, afronta à adolescência descobrindo mulheres e homens, culpados e inocentes ao mesmo tempo. Premiações: SEMINCI 2010 Festival Internacional de Valladolid (Espiga de prata melhor filme e melhor interpretação feminina), Festival 2-em-1 de Moscou (Prêmio do Júri), Festival de Cinema Batumi (Geórgia). – Melhor diretor; Festival Internacional de Antalya, Turquia (Prêmio da crítica); 32º Festival de Cinema Mediterrâneo de Montpellier 2010 (França) Prêmio Antígona de Ouro de melhor filme.

20h30 – Vacas/Behiak (em basco)
(Dir. Júlio Medem, 1992, Drama, 96mins, colorido, DVD)
Ao longo de três gerações, as famílias Irigibel e Mendiluce, mantém uma rivalidade tortuosa, de ódio, violência e paixões viscerais. A história começa em 1875 no país basco, nas trincheiras da Terceira Guerra Carlista, um homem salva a vida se fazendo de morto junto com os seus colegas na pilha de cadáveres. A presença de uma vaca produz nele uma estranha impressão que virará uma obsessão. Em 1936, no começo da Guerra Civil Espanhola, a terceira geração das famílias, parece reviver as historias do passado. Premiação: Prêmios Goya Melhor Diretor Novel; Festival de Montreal: Prêmio Melhor ópera prima – Menção especial e Festival de Tóquio: Prêmio Gold Award.

•30 de julho
15h – Estella Cadente/Estel Fugaç (em catalão)

(Dir. Luís Miñarro, 2014, Drama, 105 min., 16 anos, colorido, Blu Ray)
Estella Cadente nos leva ao ano 1871, quando o rei Amadeo de Saboya, nascido na Itália, chega a Madri com o intuito de atualizar a Espanha, mas o país passava por um momento de grande desequilíbrio político para ele poder cumprir seu objetivo. Seu reino será breve, durará apenas três anos sombrios e misteriosos. A época entre o romantismo e a modernidade foi muito conturbada na Europa, em especial na Espanha. VII Prêmios Gaudí 2015 – Melhor direção artística e melhor figurino.

17h – O Apóstolo/O Apóstolo (em galego)
(Dir. Fernando Cortizo, 2012, Fantástico, 72 min, livre, colorido, DVD)

19h – Vacas/Behiak (em basco)
(Dir. Julio Medem, 1992, Drama, 96min, colorido, DVD)

21h – Conflito das Águas/También la lluvia (em galego)
(Dir. Icíar Bollaín, 2010, Drama Social, 104 mins, livre, colorido, DVD)

•31 de julho
15h – Donkey Xote/Donkey Xote (em basco)

(Dir. José Pozo, 2007, Animação 3D, 84 mins., Livre, colorido, Blu Ray)
Cansado da pacata vida que todos parecem levar em La Mancha, Rucio não hesita nem um segundo quando surge a oportunidade de viver uma grande aventura: o Cavaleiro da Meia-Lua desafiou Dom Quixote para um duelo sem precedentes. Agora, só falta convencer Rocinante, um cavalo folgado que prefere muita sombra e água fresca a sair galopando pelas planícies da Espanha. Mas esses aventureiros enfrentarão vários perigos nessa jornada, principalmente o misterioso cavaleiro Sinister. Prêmios Goya: Nomeada Melhor Filme de Animação.

17h – Estella Cadente/Estel Fugaç (em catalão)
(Dir. Luís Miñarro, 2014, Drama, 105 min., 16 anos, colorido, Blu Ray)

19h – A mosqueteira/La Mosquitera (em catalão)
(Dir. Agustí Vila, 2010, Drama, 95 min., 12 anos, colorido, Blu Ray)

MIS – Museu da Imagem e do Som de São Paulo
Avenida Europa, 158 – Jardim Europa.

Via Catraca Livre

Tags:
big banner