• Hoje é: quinta-feira, abril 22, 2021

Fim do bônus e sobretaxa da Sabesp é inoportuno, diz entidade

Sabesp
portalregiaooeste
abril01/ 2016

O fim dos programas de bônus e de sobretaxa nas contas da Sabesp logo após os dois verões mais secos da história de São Paulo é inoportuno. Quem faz a afirmação é o gerente técnico do Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) e membro da Aliança pela Água (um coletivo de entidades voltadas à questão da água em São Paulo), Carlos Tadeu de Oliveira.

Nesta sexta-feira, dia 1º, a agência paulista reguladora de saneamento de São Paulo autorizou o fim da sobretaxa que pune quem consuma mais água. A medida atende solicitação da Sabesp.

Para Oliveira, não há garantias suficientes de que a crise hídrica tenha sido resolvida. Por isso, não se justifica o fim dos dois programas de incentivo financeiro para redução de consumo de água. “Se é verdade, como o governo estadual disse que há uma imprevisibilidade acerca das questões climáticas e não há nenhum anúncio divino sobre o fim dessa característica, não faz sentido o fim [do bônus e da sobretaxa]”, disse ele, em entrevista ao Portal UOL.

Oliveira argumenta que os reservatórios atualmente estão em situação melhor do que na mesma data em 2014 e 2015, mas ainda seguem abaixo da média e abaixo dos níveis antes da crise. Nesta sexta, os reservatórios da Grande São Paulo estão 20% abaixo da média para a data. “O fato de termos tido apenas uma boa estação chuvosa não nos dá a segurança necessária. Não é o momento de voltar a operar como antes da crise”, completou.

big banner