• Hoje é: domingo, outubro 20, 2019

Sintrasp ganha na justiça reajuste salarial do Acordo Coletivo de 2016-2017, prefeito Rogério Lins recorreu

Toninho presidente Sintrasp
Paulo Marcelino
maio08/ 2019

Em seu primeiro ano de governo (2017), o prefeito Rogério Lins, concedeu  zero(0) de reajuste salarial aos servidores público de Osasco. Diante dessa posição do prefeito, e em assembleia com a categoria, o sindicato decidiu entrar com uma ação no judiciário para reverter à decisão do então Chefe do Executivo.

No mês de março deste ano, o Juiz de Direito Sr Olavo Sa Pereira da Silva, do Tribunal de Justiça de São Paulo(TJ-SP), julgou procedente a ação impetrada pelo sindicato, e condenou a Prefeitura de Osasco a repor as perdas salariais referentes ao Acordo Coletivo do Dissídio de 2016-2017. Segundo “Toninho do Caps”, presidente do sindicato, “a justiça está sendo feita e se mostra sensível ao pleito da categoria, porque todo trabalhador tem direito à reposição inflacionária e com os servidores não pode ser diferente”, pondera.

 

Foto: Sintrasp
Foto: Sintrasp

O prefeito Rogério Lins, recorreu da decisão da justiça que reconhecia os direitos dos trabalhadores nessa questão. Para Toninho, “o prefeito está tentando ganhar tempo com essa ação,  estou confiante porque nossa advogada fez uma peça jurídica muito bem elaborada e com muita clareza, comprovando a perda do poder de compra dos servidores de Osasco”,finaliza.

 

 

 

big banner