• Hoje é: terça-feira, janeiro 16, 2018

Sintrasp convoca servidores para pressionar Câmara contra projeto que corta direitos de servidores

Foto: site do Sintrasp
portalregiaooeste
novembro20/ 2017

A Câmara Municipal de Cotia avalia, no próximo dia 22, em segunda votação, a Proposta de Emenda à Lei Orgânica nº 2/2017, que corta direitos dos servidores públicos municipais, incluindo auxílio natalidade e funeral. O Sintrasp – sindicato que representa os servidores – está convocando a categoria para um protesto no Legislativo no dia da sessão (veja convocação). O objetivo é pressionar os vereadores para, novamente, derrubarem a proposta, de autoria do prefeito Rogério Franco. No último dia 7, também após pressão dos trabalhadores, a proposta foi rejeitada por oito votos a quatro.

O presidente do Sintrasp, Antônio Rodrigues dos Santos, denuncia ainda uma tentativa de manipulação da categoria por parte do vereador Fernando Jão, contra o sindicato. “Ele afirmou, na tribuna, que os servidores elaboraram esse projeto desgraçado, nefasto e maldoso. Mas quero deixar bem claro que, durante o período em que ele foi Secretário de Governo, participamos sim de diversas reuniões, mas não elaboramos nenhum projeto”, ressaltou, em vídeo divulgado nas redes sociais.

Na primeira votação, três parlamentares justificaram seus votos. Edson Silva (PRB) defendeu ser necessário realizar ajustes para que benefícios e direitos conquistados pela categoria sejam garantidos no futuro. Já o vereador Professor Osmar (PV) frisou a necessidade de chegar em um consenso e, para isso, é necessário que tanto a Administração quanto os servidores discutam alternativas. “Precisamos fazer ajustes. Esse voto é para que haja negociação entre servidores, Legislativo e Executivo”, disse Marcos Nena (PMDB).

big banner