• Hoje é: terça-feira, setembro 17, 2019

Sarampo mata bebê em Osasco

Sarampo Osasco
Paulo Marcelino
setembro01/ 2019

A Secretaria Estadual da Saúde anunciou mais duas mortes por sarampo em São Paulo. São dois bebês: um de 9 meses, da capital paulista, e um de 4 meses, em Osasco. Com essas mortes, o estado soma três casos fatais da doença desde 1997.
Segundo informações preliminares, o bebê de 9 meses estava na faixa etária para receber a dose zero (para bebês de 6 a 11 meses), mas se infectou antes de tomar essa dose. As mortes ocorreram na primeira semana de agosto.
Já a bebê de 4 meses que morreu com sarampo no início de agosto em Osasco, na Grande São Paulo, apresentava histórico de problemas pulmonares, incluindo uso de antibiótico nas semanas antes de ser infectada pela doença. A informação foi divulgada no sábado, 31/8, pela Secretaria de Saúde do Município de Osasco.
Os bebês tiveram pneumonia, complicação comum pelo sarampo. Os sintomas começaram em julho.

Campanha de vacinação

Seguindo a recomendação do Ministério da Saúde para todo o Brasil, a campanha para bebês de seis meses a um ano segue em curso também na cidade de São Paulo. Nessa faixa etária é aplicada a chamada “dose zero” da vacina, que é extra. As duas doses regulares ainda devem ser aplicadas normalmente quando a criança completar um ano de idade.

Bebês entre 6 e 11 meses seguem sendo imunizados em postos de saúde e CEI/Creches, o objetivo da Secretaria Municipal de Saúde é chegar a 95% da cobertura vacinal.

big banner