• Hoje é: quarta-feira, maio 27, 2020

Profissionais da Educação dão início à Campanha Salarial 2020

cs2020-todos-juntos
Jucelene Oliveira
janeiro31/ 2020

Ainda à espera do julgamento do dissídio coletivo 2019, profissionais da Educação dão início à Campanha Salarial 2020

Texto: Sinprosasco

Preservação de direitos, barreiras à terceirização e ensino a distância estão na pauta dos docentes da rede particular de São Paulo.

Após a rodada de assembleias de deliberação de pautas que fechou o ano de 2019 nos 25 sindicatos integrantes da Fepesp – Federação dos Professores do Estado de São Paulo, os trabalhos em 2020 começam com toda força. A Campanha Salarial deste ano será por direitos, por dignidade e pela unidade da categoria.

Duas reuniões importantes deram a largada para a Campanha Salarial 2020. Na última terça-feira, 28/01, os sindicatos integrantes da Fepesp consolidaram os itens de pauta de reivindicações levantados nas assembleias de 2019 e começaram a preparar um cronograma inicial de ações de mobilização.

No mesmo dia, representantes das três federações com atuação no Estado reuniram-se para coordenar suas ações na abertura das negociações com o setor patronal. Após consolidação, as pautas de reivindicações serão protocoladas oficialmente junto ao setor patronal para dar início às negociações.

Na próxima segunda-feira, dia 3, será realizada a primeira rodada com o Semesp, sindicato que representa as escolas no Ensino Superior, e na terça, dia 4, com a direção do Sesi/Senai.

O sindicato patronal das escolas na Educação Básica, o Sieeesp, está sendo oficiado para início das negociações também na próxima semana.

É importante que os professores fiquem atentos a todas as pautas que serão publicadas integralmente no site do Sinprosasco, para que todos participem consciente e ativamente desta Campanha Salarial 2020, do contrário, nossos direitos, nossa dignidade e nossa unidade estarão em risco.

Campanha Salarial 2019

Como todos os docentes têm conhecimento, o dissídio coletivo da educação básica não foi julgado em 2019. É importante lembrar que os sindicatos sempre apostaram na estratégia política para alcançar a assinatura da Convenção Coletiva.

Foi apenas depois de absolutamente esgotadas todas as possibilidades de negociação com o Sieeesp – Sindicato Patronal, que a Fepesp, o Sinprosasco – Sindicato dos Professores de Osasco e Região e demais sindicatos que integram a base ingressaram com a ação, cumprindo a deliberação das assembleias realizadas com os professores.

Nas audiências de conciliação no Tribunal, abriu-se a possibilidade de chegar a um acordo a partir da mediação da desembargadora Ivani Bramante. A proposta apresentada por ela foi aprovada pela assembleia dos professores, mas rejeitada pelo Sieeesp, que reafirmou, mais uma vez, sua intransigência em finalizar a Campanha Salarial 2019.

Em outubro surgiu mais um percalço: o relator que havia assumido o processo afastou-se da Seção de Dissídios Coletivos do TRT, o que acabou por atrasar ainda mais essa tramitação.

Contudo, para evitar ruídos é importante que o professor saiba que quando acontecer a decisão da Justiça, o reajuste e todas as cláusulas sociais terão efeito retroativo a março de 2019 (data base da categoria). E isso não impede, absolutamente, que a Campanha Salarial de 2020 comece com toda força.

Fique atento às comunicações e chamados do sindicato

Os professores podem consultar o site do Sinprosasco: www.sinprosasco.org.br para ter acesso à informações atualizadas sobre reuniões, assembleias e rodadas de negociação. Os grupos de WhatsApp são constantemente abastecidos com novidades e orientações. Além disso, toda e qualquer dúvida que o professor tenha, pode sempre procurar apoio junto ao sindicato. Os professores associados (e não associados) têm um canal direto com o Sinprosasco por meio do e-mail duvidas@sinprosasco.org.br. Se preferirem, também podem agendar atendimento presencial pelo telefone 11 2284-7400 para falar com um diretor.

Para mais informações e notícias, acesse nosso site: www.sinprosasco.org.br e nos siga nas redes sociais: facebook.com/sinprosasco/ e instagram.com/sinprosasco/.

big banner