• Hoje é: quarta-feira, maio 27, 2020

Prefeitura de Barueri não fornece remédio para glaucoma há 3 meses

Glaucoma
portalregiaooeste
julho29/ 2016

Pacientes com glaucoma não conseguem retirar remédios para controle da doença há três meses no Hospital Municipal de Barueri, na Grande São Paulo. E o pior: sem o medicamento, quem tem a doença pode ficar cego. A denúncia foi feita pelo Portal G1, nesta quarta-feira, dia 28.

Para prestar atendimento aos pacientes portadores da doença, o hospital deve estar credenciado no Ministério da Saúde. O remédio é disponibilizado pelo município, e o valor é ressarcido pelo governo federal. Ministério da Saúde confirma que o hospital é credenciado e tem os valores ressarcidos.

Procurada pelo G1, a Prefeitura de Barueri afirma que foi “pega de surpresa” pela fornecedora dos medicamentos. A gestão municipal ainda revela que 20 pacientes foram afetados pelo problema. “A empresa contratada para o fornecimento dos colírios abruptamente deixou de cumprir o contrato, e após várias tentativas de negociações, não houve sucesso, o que nos levou a uma rescisão contratual. Estamos contratando outra empresa em caráter emergencial, o que se dará em no máximo até 15 dias”, disse a administração, em nota.

big banner