• Hoje é: segunda-feira, março 18, 2019

O significado do ano novo e das simbologias que o compõem!

reveillon-em-sao-paulo-800x445
portalregiaooeste
dezembro31/ 2018

Texto: Diretoria do Sinprosasco

Em francês, a palavra ‘réveillon’ remete a vigília, ao ato de estar acordado. E com a virada do ano tão próxima, muitos são os rituais para essa passagem.

Mas por que será que as pessoas repetem esses gestos e rituais todos os anos? Será que de fato eles servem para alguma coisa? Estudiosos dizem que sim. Para eles “os rituais são importantes e têm sua função. Eles carregam o poder simbólico de abrir e fechar os ciclos e esse poder é enorme”.

Também é correto dizer que a cada ciclo que termina, “as pessoas sentem necessidade de fazer um balanço de como transcorreu os 12 meses passados, e com isso verificar os pontos positivos e negativos”, diz a psicóloga Jaqueline Meireles.

E isso vale tanto para as crises, problemas e dificuldades do ciclo que termina quanto para os projetos e sonhos que ficaram estagnados e precisam ser atualizados para o novo tempo que começa. E por que o balanço do ano precisa ser feito ao mesmo tempo, numa data convencionada?

“Por causa da força simbólica. O mundo todo se mobiliza em função disso”, afirma a psicóloga. Esse gigantesco “mutirão de boas intenções” que se cria nesses momentos pode ser um belo empurrãozinho para incentivar o exame de consciência e abraçar o ano vindouro.

“Muitos momentos na vida convocam mudanças. Porém, durante os ciclos que se fecham essa convocação tem peso especial, você é impulsionado pela massa”, afirma Jaqueline.

A analista junguiana Denise Ramos, professora titular da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, acrescenta ainda um outro ingrediente fundamental para o bem estar psíquico do ser humano: a necessidade de esperança.

“O ano novo traz consigo a possibilidade de reorganizar a vida, consertar erros, fazer coisas diferentes, essa promessa do ‘novo’ é fundamental para o bem-estar e para a saúde mental”, explicou.

E os números? Por que ‘sete ondas’, sete sementes de romãs na carteira’, sete uvas’? O número 7 é tradicionalmente associado à completude, ao final de um processo. Na Bíblia, esse significado do número é tão enfatizado que alguns pesquisadores acreditam que acaba sendo uma marca do trabalho divino. Daí sua identificação com a perfeição é um pulo.

Além disso, Denise explica, o número 7 é composto pelos números 3 e 4 que também são numerais associados à boa sorte, representam padrões da Natureza, expressam fenômenos relacionados à passagem do tempo e à situação dos humanos no universo, como as 4 estações do ano e as 4 direções do vento, por exemplo.

“O 3 representa o triângulo é considerado símbolo da espiritualidade, a Santíssima Trindade, por exemplo, é composta por 3 pessoas, Pai, Filho e Espírito Santo. Já o 4 é o número da solidez, totalidade, ancorado na Natureza: 4 são os lados do quadrado, 4 os elementos da matéria, 4 A soma forja o número da totalidade: 7”

No fundo, o importante é o desejo de atrair bons votos para o ano que está chegando. “As adaptações são inúmeras, mas todas as culturas celebram essa passagem de um ano para outro, de um ciclo para outro e todas inventam suas formas próprias de desejar a todos um bom novo”, diz Denise.

Seja qual for o seu ritual de virada de ano, o Sindicato dos Professores de Osasco e Região deseja a todos os professores e seus familiares um ANO NOVO repleto de alegrias, realizações, conquistas e muita união para lutar!

Para saber mais, acesse nosso site: http://www.sinprosasco.org.br e nos siga nas redes sociais: https://www.facebook.com/sinprosasco/ e https://www.instagram.com/sinprosasco/. Adicione seu número nos nossos grupos de WhatsApp.

big banner