• Hoje é: quarta-feira, maio 23, 2018

Lins e Vido não cumprem promessa de atendimento 24 horas em UBSs de Osasco

Lins e Vido
portalregiaooeste
maio06/ 2018

No próximo dia 9 de maio completa um ano que o prefeito de Osasco, Rogério Lins (PODEMOS) anunciou a extensão do horário de atendimento das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do Jardim Novo Osasco e da Cidade das Flores, que passariam a funcionar 24 horas, a proposta garantia inclusive a criação de turno extra, com médicos generalistas e de ambulâncias para a remoção dos casos mais graves. Na época, o secretário da Saúde, José Carlos Vido (PSDB), chegou a dar um prazo para o início do novo horário, junho de 2017. Um ano depois, nada foi feito.

Passado quase um ano, a promessa ficou apenas no papel. Vido dizia que se tratava de projeto piloto e seria ampliado para outras unidades. A ampliação funcionaria da seguinte forma, durante o dia as unidades fariam as consultas comuns da rede e à noite, além de médicos, contariam com uma ambulância, para remoção dos casos mais graves aos prontos-socorros. Vido chegou a dar entrevistas. “No turno da noite, serão atendidos os casos mais simples. Não terá raio-X ou sala de gesso. Mas os moradores dessas regiões que tiverem problemas como uma dor abdominal forte, uma dor de cabeça ou até uma crise renal serão atendidos e não precisarão mais procurar os prontos-socorros, onde hoje aguardam atendimento junto a casos mais graves. Isso vai minimizar a espera. Vamos, inclusive, diminuir a demanda nos prontos-socorros do Santo Antônio e Pestana, que atendem moradores dessa região, e sobretudo da UPA Central”, explicou.

big banner