• Hoje é: segunda-feira, novembro 20, 2017

Justiça aceita denúncia contra 5 militares por morte de soldados em Barueri

Exército Brasileiro
portalregiaooeste
outubro24/ 2017

A Justiça Militar Federal aceitou a denúncia do Ministério Público Militar (MPM) e transformou em réus cinco militares do Exército pelo afogamento e morte de três soldados durante um treinamento ocorrido em Barueri, em 24 de abril deste ano.

Os soldados, que atuavam no 21º Depósito de Suprimentos, se perderam durante uma instrução e entraram em um lado do 20º Grupo de Artilharia de Campanha Leve, localizado na Estrada de Jandira, onde acabaram se afogando.

Entre os denunciados está um capitão, que era oficial de prevenção de acidentes na instrução, outro capitão, que era oficial de operações de unidade e responsável pelo exercício, e um tenente, que era responsável pela instrução de orientação da atividade. Um cabo e um soldado, que eram auxiliares do treinamento e participaram diretamente da execução da pista de orientação, feita com bússolas e mapas, também foram acusados pelo MP.

As vítimas são Wesley dos Santos, de 18 anos, Jonhatan Cardoso, de 19 anos e Vitor, também de 18 anos. O Exército abriu um Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar as circunstâncias do acidente. Logo após a tragédia, parentes informaram que os jovens não sabiam nadar.

big banner