• Hoje é: quinta-feira, julho 19, 2018

Em abril atípico, indústria paulista perde 4.000 postos de trabalho

Indústria paulista perde 4.000 postos de trabalho
portalregiaooeste
maio19/ 2016

Tradicionalmente o período de início de contratações do ano pela indústria, desta vez abril surpreendeu e registrou a perda de 4.000 vagas de trabalho. É o primeiro abril negativo da série histórica – desde 2006 – do Indicador de Nível de Emprego da indústria paulista, divulgado esta semana pelo Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos (Depecon), da Federação e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp e Ciesp).

Com esse resultado, nos primeiros quatro meses de 2016 a indústria acumula a perda de 34.500 postos de trabalho. A expectativa para o fechamento do ano é de cerca de 165 mil vagas a menos. Em 2015, esse número ficou em 235 mil.

Dos 22 setores pesquisados, 16 tiveram saldo negativo de vagas, 2 ficaram estáveis e 4 contrataram. O setor que se destacou positivamente foi o sucroalcooleiro, responsável pela alta de 7.073 postos de trabalho em abril, influenciando os setores de Produtos Alimentícios (que registrou saldo de 6.642 contratações) e de Coque, Derivado de Petróleo e Biocombustíveis (cujo saldo foi de 1.129 empregos a mais). O pior desempenho continua sendo o do segmento de veículos automotores, reboques e carrocerias, com saldo de 2.309 demissões no mês.

big banner