• Hoje é: domingo, fevereiro 25, 2018

Coronel Telhada preside CPI dos Direitos Humanos

Deputados membros da CPI Operação Ethos/Condepe durante eleição da mesa
portalregiaooeste
novembro07/ 2017

Os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa de São Paulo que apura irregularidades no Conselho Estadual de Direitos da Pessoa Humana (Condepe) elegeram os deputados Coronel Telhada (PSDB) e Doutor Ulysses (PV) como presidente e vice-presidente da comissão, respectivamente.

A CPI Operação Ethos/Condepe investigará suspeitas de que membros do Condepe atuem em colaboração com o crime organizado. Telhada afirma ser inadmissível que o vice-presidente do Conselho esteja preso, acusado de envolvimento com uma organização criminosa. “Luiz Carlos dos Santos foi acusado de crimes muito sérios e, não bastasse isso, temos informações de que eram fornecidos endereços de policiais militares, civis e agentes penitenciários. Conversaremos com o delegado responsável pelo processo, pois junto com o Luiz Carlos foram acusados mais de trinta advogados”, disse.

A escolha do relator da CPI será feita na próxima reunião. “É um trabalho sério, dentro da legalidade, pela busca de um resultado ao menos satisfatório para a população”, completou Coronel Telhada.

O Conselho Estadual de Direitos da Pessoa Humana (Condepe) é um órgão público com autonomia para atender a vítimas de violência praticada por agentes do Estado e encaminhar denúncias para apuração. Seus integrantes têm autorização para entrar em presídios, delegacias, unidades da Fundação Casa e outras repartições públicas.

big banner