• Hoje é: quarta-feira, maio 25, 2022

Adeus à Sidney Poitier, 1º negro a vencer um Oscar de Melhor Ator

Sidney-poitier-oscars-2014.0 copy
portalregiaooeste
janeiro07/ 2022

Sidney Poitier, primeiro homem negro a vencer o Oscar de Melhor Ator, morreu aos 94 anos. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (7) pelo ministro das Relações Exteriores das Bahamas, Fred Mitchell. A causa e o local da morte não foram informados.

Um dos últimos representantes vivos da chamada Era de Ouro de Hollywood, o ator bahamense-americano levou o Oscar por sua atuação em “Uma voz nas sombras”, em 1963. Em 2022, foi homenageado pela Academia com o Oscar pelo conjunto de sua obra. Nas redes sociais, a classe artística lamentou a perda de Poitier e celebrou sua trajetória.

Grande ativista pelos direitos civis, Poitier recebeu em 2009 a Medalha Presidencial da Liberdade, principal condecoração civil dos Estados Unidos, concedida pelo então presidente americano Barack Obama. Entre 1997 e 2007, o astro de Hollywood foi embaixador das Bahamas no Japão.

Poitier trabalhou em filmes como “Adivinhe quem vem para jantar”, “No calor da noite” e “Ao mestre, com carinho”, os três lançados em 1967. Dirigiu também trabalhos como “Loucos de dar nó”, de 1980. Na última cerimônia da Academia de que participou, em 2014, apresentou o prêmio de Melhor Diretor ao lado da atriz Angelina Jolie e foi ovacionado de pé pela plateia.

O ator foi casado por 45 anos com Joanna Shimkus, sua segunda esposa, com quem teve seis filhos. Entre eles está a atriz americana Sydney Tamiia Poitier.

big banner