• Hoje é: quinta-feira, julho 18, 2019

A pesquisa de Osasco e o autoengano

Auto engano
portalregiaooeste
maio03/ 2019

O autoengano é um processo mental que faz a pessoa acreditar que o certo é errado, ou o contrário. No final, em que pese guardar uma certa loucura, é uma opção pessoal.

O prefeito Rogério Lins e sua turma viram a pesquisa veiculada nesta quinta-feira, dia 02 de maio, no Portal Região Oeste e se apressaram em tentar confundir as pessoas nas redes sociais. O chefe do Executivo de Osasco sabe que trata-se de um autoengano. Sua turma pode não saber.

Vamos lá:

a) A metodologia da pesquisa sobre a qual tratamos é a mesma que quando candidato a prefeito (2015/16) Rogério Lins aplaudia e acompanhava com muita atenção. O prefeito da época, Jorge Lapas, convivia com os mesmos números de Rogério Lins de hoje e também criticava o Portal. O final de Jorge Lapas nós conhecemos. E, olhe só! Pode ter sido por consequência dessa mesma armadilha – o autoengano!

b) A pesquisa representa um momento e como tal pode sofrer mudanças. A atual pesquisa reflete essa conjuntura.

c) A pesquisa não pode ser avaliada por um dado específico. No presente caso, a amostra compõem-se de 27 perguntas. Portanto, é da avaliação do conjunto dos dados que se extrai uma leitura apropriada e mais próxima da realidade.

d) Na matéria está claro: 37% avaliam o governo ruim e péssimo e 19% bom e ótimo. 40% avaliam como regular e 4% não responderam. Quando perguntado se aprova ou desaprova o governo de Rogério Lins 55% desaprovam e 32% aprovam, sendo que 13% não responderam. Além disso, como falamos em contexto, aí vai: os motivos de desaprovação são mais fortes que os de aprovação. 54% não lembram de um motivo (sequer) para aprovar (46% pulverizam em 39 razões para aprovar, sendo que a mais forte é creche, com 7%) e 29% não lembram um motivo para desaprovar (71% são distribuídos por 50 motivos para desaprovar, sendo que os mais fortes são: 24,2% dizem que Rogério Lins não fez nada, 13,5% citam a saúde como um serviço ruim, 6,1% disseram que não cumpriu as promessas e 3,6% disseram que cidade está abandonada). Ou seja: os motivos para desaprová-lo são mais fortes e mais universais.

Gráficos Editados

e) Dois outros dados corroboram para afirmar que o governo Rogério Lins é rejeitado pelo cidadão osasquense: 81,6% não sabem responder o que Rogério Lins fez nesses mais de dois anos à frente da Prefeitura e todas as áreas importantes (saúde, educação, trânsito, segurança, asfalto, praças) são mais rejeitadas do que aprovadas.

f) Essa fase da pesquisa mostra que para 76% dos moradores da cidade, Lins NÃO renovou Osasco.

g) Diante desse quadro, é muito correto afirmar que o “Governo Rogério Lins é rejeitado pelo povo de Osasco”. Caso, por qualquer razão, tenha saído alguma informação truncada na matéria do portal, com essas explicações, acreditamos esclarecer e encerrar essa fase da pesquisa, preparando a próxima rodada que mostrará o cenário eleitoral.

h) Por derradeiro, vale afirmar que o Portal não torce para ninguém exceto para uma Osasco melhor e com mais qualidade de vida para seu povo. Se alguém, em razão da matéria, quer se autoenganar não é problema do Portal.

Osasco, 3 de maio de 2019
Equipe do Portal da Região Oeste

big banner